fonte: ANS

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) aprovou a recomendação final do medicamento hemifumarato de gilteritinibe, para tratamento de pacientes adultos com leucemia mieloide aguda (LMA), recidivada ou refratária com mutação gene FLT3, para inclusão ao Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde. A decisão foi tomada nessa segunda-feira, 04 de julho, durante a 15ª Reunião Extraordinária da Diretoria Colegiada (DICOL) de 2022.    

 A tecnologia teve sua recomendação final após discussão na última reunião técnica da Cosaúde, ocorrida em junho, e após ter passado por consulta pública que contou com mais de 50 contribuições. Clique aqui para saber mais.

 Assim, o rol passa a contar com 3.368 procedimentos e eventos em saúde, tendo havido neste ano, até o momento, 24 incorporações à lista de coberturas obrigatórias pelas operadoras.